Sobre Joinville

Cidade de Joinville

Joinville é uma cidade brasileira localizada na região nordeste do estado de Santa Catarina, com 1130,878 km² de área e população de aproximadamente 515.250 habitantes em 2010. Município mais populoso de Santa Catarina e o terceiro da região Sul, é também sede da Microrregião de Joinville, da Mesorregião do Norte Catarinense e da Região Metropolitana do Norte/Nordeste Catarinense (juntamente com Araquari). Sua região metropolitana, constituída pelos municípios adjacentes que formam entre si a Região Metropolitana do Norte/Nordeste Catarinense, conta com cerca de 1.094.570 habitantes.

A cidade possui um dos mais altos índices de desenvolvimento humano (IDH) entre os municípios brasileiros (0.857), ocupando a décima terceira posição nacional e a quarta entre os municípios catarinenses.

História

Os registros dos primeiros habitantes da região de Joinville datam de 4.800 a.C. Os indícios de sua presença encontram-se nos mais de 40 sambaquis e sítios arqueológicos do município. O homem-do-sambaqui praticava a agricultura, mas tinha na pesca e coleta de moluscos as atividades básicas para sua subsistência.

Índios tupis-guaranis ainda habitavam as cercanias quando aqui chegaram os primeiros imigrantes. No século XVIII, estabeleceram-se na região famílias de origem portuguesa, com seus escravos negros, vindos provavelmente da capitania de São Vicente (hoje estado de São Paulo) e da vizinha cidade de São Francisco do Sul. Adquiriram lotes de terra (sesmarias) nas regiões do Cubatão, Bucarein, Boa Vista, Itaum, Morro do Amaral e aí passaram a cultivar mandioca, cana-de-açúcar, arroz e milho, entre outros.

No dia 1 de maio de 1843, a princesa Dona Francisca Carolina, filha de Dom Pedro I, casou-se com o princípe de Joinville, cidade francesa do departamento de Haute-Marne, François Ferdinand, e recebeu como dote de casamento um pedaço de terra próximo à colônia de São Francisco, hoje a cidade de São Francisco do Sul. Em 1846, o engenheiro Jerônimo Coelho viajou ao local para fazer a demarcação das terras.

Em 1848, o rei da França Luís Felipe é destronado e seu filho François se refugia na Inglaterra. Ao começar a sofrer dificuldades financeiras, vende ao então dono da Sociedade Colonizadora Hamburguesa, o senador alemão Christian Mathias Schroeder, oito das 25 léguas recebidas como dote, que lança um projeto de povoação de parte desse território.

De acordo com o historiador Apolinário Ternes, o projeto inicia um ano antes da chegada da Barca Colon que partia de Hamburgo em 1851. Em 1850 o vice-cônsul Léonce Aubé, acompanhado de duas famílias de trabalhadores braçais, mais o engenheiro responsável das primeiras benfeitorias e demarcações do que viria a ser a nova colônia e também do cozinheiro franco-suíço Louis Duvoisin. Uma curiosidade: Louis Duvoisin veio ao Brasil anos antes com a expedição do 1842 o Benoit Jules Mure na instalação fracassada do Falanstério do Saí. Quando a barca Colon parte de Hamburgo levando os primeiros imigrantes. No dia 9 de março do mesmo ano, a barca chega ao local e é fundada a Colônia Dona Francisca. A população é reforçada com a chegada da barca Emma & Louise, com 114 pessoas. Em 1852, foi decidido que, em homenagem ao príncipe François, a cidade passaria a se chamar Joinville.

Uma residência de verão foi construída para abrigar o príncipe e a princesa de Joinville, com um caminho de palmeiras em frente à casa. Entretanto, nenhum dos dois chegou a conhecer a cidade. A casa que foi construída para os príncipes atualmente é o "Museu Nacional de Imigração e Colonização - Palácio dos Príncipes de Joinville", e a via à sua frente tornou-se a Rua das Palmeiras, hoje ponto turístico da cidade.

Entre as décadas de 1950 e 1980, a cidade tornou-se essencialmente industrial, ficando conhecida como "Manchester Catarinense".

Economia

A abastada classe de industriais da região criou, logo no início do século XX, a Associação Comercial e Industrial de Joinville (atual Associação Empresarial de Joinville. Hoje, a região produz 18,9% (valor adicionado fiscal) do PIB global do estado de Santa Catarina.

Joinville é cortada por várias rodovias e linha férreas que também contribuíram para tornar a cidade o 3º maior polo industrial da Região Sul do Brasil. Apesar da progressiva terciarização do centro, a actividade industrial continua com grande relevância, laborando na sua cintura industrial, grandes conglomerados do setor metal-mecânico, químico, plásticos, têxtil e de desenvolvimento de software, tornando-a um grande polo dessa tecnologia.

Sendo a cidade mais importante industrialmente em Santa Catarina, muitos das mais importantes grupos económicos do país de diversos setores – tais como a Cipla, Buschle & Lepper, Amanco (antiga Akros), Schulz S.A, Busscar, Franklin Electric (Schneider), NeoGrid, Docol, Döhler, Embraco, Ciser, Lepper, Tigre, Tupy, Totvs, Britânia, KaVo Dental, Krona, Universal Leaf Tabacos, General Motors, Whirlpool, Tac, Wetzel, Laboratório Catarinense, Tecnoperfil Plásticos entre outras.

A Cidade de Joinville é o segundo maior polo metalúrgico do Brasil, ficando atrás, apenas do estado inteiro de Minas Gerais. Outra marca importante da cidade, é que ela é, o maior polo industrial de ferramentaria do país.

Educação

Joinville orgulha-se de ter a melhor educação pública de Santa Catarina, reconhecida pelo MEC. As escolas, no geral, possuem boa infraestrutura. A cidade também orgulha-se de ter a melhor educação do estado. Por dois anos consecutivos (2010 e 2011) os primeiros colocados gerais no vestibular da Universidade Federal de Santa Catarina foram da cidade dos príncipes e por quatro anos consecutivos teve o melhor desempenho escolar do ENEM do estado (Posiville em 2007, 2008, segundo melhor em 2009 e melhor em 2010, com 61% de participação dos estudantes, segundo o jornal A Notícia, e Bom Jesus Ielusc em 2009 e 2010, com 78% dos alunos inscritos, segundo a mesma fonte). No Ensino Superior, predominam os cursos de engenharia, sobretudo na UDESC e UFSC, devido às empresas de bens de consumo existentes na cidade.

Para homenagear a comunidade de moradores desta maravilhosa cidade, o Encontra Santa Catarina criou o Encontra Joinville.

Blog do Guia da Cidade de Joinville

Receba notícias por e-mail
Cadastre-se e receba notícias de Joinville por email
 

Limites - Cidades Vizinhas

Araquari, Campo Alegre, Garuva, Guaramirim, Jaraguá do Sul, São Francisco do Sul e Schroeder.

Dados Principais sobre Joinville

Aniversário: 09 de Março
Fundação : 1851
Gentílico: Joinvilense ou Joivillense
Area: 1 130,878 Km²
População 515 250 hab. (2010)
IDH 0,857 - elevado
Prefeitura Joinville

Brasão de Joinville
Brasão de Joinville

Bandeira de Joinville
Bandeira de Joinville

Vídeo sobre a Cidade de Joinville
Veja mais vídeos sobre a Cidade de Joinville

Mapa de Joinville

 

Moradores ilustres de Joinville

 

 

  Sobre o EncontraJoinville
Anuncie no EncontraJoinville
Cadastre sua Empresa no EncontraJoinville (grátis)
Fale com EncontraJoinville


Termos do Serviço | Política de Privacidade